Dia 10

Curitiba, 10 de janeiro de 2018.

Olá, pessoal. Selênia Intolerante na área.

Feliz ano novo, amiches. Não sei como foi o seu 2017, mas o meu foi tão tenso que a última publicação que fiz foi em agosto. Janeiro é um mês de muita esperança para todos e para o casal Sofrimento Nerd não é diferente. Aproveitarei a primeira postagem do ano para agradecer pelo carinho e paciência de todos que enfrentaram as mudanças que aconteceram em minha vida após descobrir que sou celíaca e intolerante à lactose. Algumas pessoas foram fundamentais e tornaram meus dias mais fáceis. Obrigada. Fui chamada de neurótica, fresca, sumida, preguiçosa, exagerada e tantas outras coisas que não tenho coragem de mencionar. Só quem viveu mesmo o momento comigo sabe o quanto foi difícil.

Aceitação – Como é difícil tentar convencer as pessoas de que eu faço a dieta por necessidade. Como é pesado explicar que carrego minha “mochila da intolerância” por segurança e por medo da contaminação cruzada. Como é triste receber olhares de reprovação ao recusar um alimento que aparentemente não tem glúten.

Confraternização – Está aí uma palavra que causa uma dorzinha no coração. Algo mudou e nós não podemos ser o casal das gordices sem fim que aceitava inúmeros convites para sair com os amigos e familiares. Cada recusa é um Sofrimento Nerd.

Amor – Aoshi segurou minhas mãos inúmeras vezes e disse: Eu te amo. Estou com você. Vai passar. Quer que eu busque o balde? Vamos ao médico? Fica deitada aí. Quer uma bolsa de água quente? Já tomou o remédio? Tome água. Coma alguma coisa. Vamos dar uma volta? Me liga. Atenda o telefone. Cuidado. Quer ajuda? Dê sinal de vida. Não fique incomunicável. Foi ao banheiro quantas vezes? Está com dor? TOME ÁGUA.

Em busca do glúten perdido – Recebi muitas palavras de incentivo e fotos de rótulos de produtos sem glúten de quem estava procurando alternativas para minha nova alimentação. Meus amigos foram contaminados pelo vício de ler as embalagens de todos os produtos em lojas, farmácias e mercados. Acredito que os mais próximos começaram a demorar mais em comércios.

Presentes seguros – Não sei dizer quantos alimentos sem glúten e sem lactose ganhei de quem estava passando por algum lugar e lembrou de mim. Obrigada por ajudarem em nossas finanças. 🙂

Glu Glu Ié Ié- Caí inúmeras vezes na pegadinha do Mallandro. Fui em lugares que informavam que os alimentos não tinham glúten, mas depois da caganeira você vê o resultado. Depois da caganeira você vê o resultado.  Ainda bem que não leva nove meses. Hehehe.

Tentarei postar com mais frequência. Até a próxima postagem.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s